Projeto: Aluminices #2 – AluCapo

Em novembro passado eu comecei a tentar tocar algum instrumento musical. Foi sensacional, desmistifiquei muita coisa, vi que era possível! Um sonho de infância que eu adiei demais, para tanto tive ajuda de algo comum na fase pré-púbere, o videogueime.

Um dos motivos que me faziam adiar era a falta de tempo certo e $ para aulas, mas daí achei esse gueime pro Playstation que prometia ensinar. Tentemos! Comprei o tal, chama Rocksmith e vem com um cabo que você liga em qualquer guitarra ao console. No vídeo abaixo dá pra ter uma idéia de como funfa, eu gostei muito, tem vídeos tutoriais e uma característica sensacional, ele consegue “ler” o seu nível e adaptar a dificuladade do jogo de acordo!

http://www.youtube.com/watch?v=LAukWlgSC7k

Pausa pra agradecer minha querida irmã Maíra, guitarrista, generosa e na época morando na Inglaterra (sem ter como me proibir de usar sua bela guita, huahuahua).

Comecei a aprender, praticar, aprendi a tirar umas muzquinhas mais fáceis até. Aproveitando a onda eu tirei a poeira de um violão que tinha comprado uns 4 anos antes e mandar a mão nele. Peguei várias tablaturas na internet, descobri que várias das músicas que eu queria aprender precisavam de um capo, ou trastejador ou pestana ou braçadeira, enfim, aquilo que aperta as cordas. Como esse abaixo:

Resolvi fazer um. Visualizei um na cabeça e nem desenhei, fui direto pro trabalho duro. Começando com uma barra de alumínio, essa da fota abaixo:

Despues eu cortei um pedaço pouco maior que a largura do braço do violão e esse pedaço eu cortei ao meio. Esqueci de tirar fotos dessa etapa, mas eu deveria porque foi foda… Sem elas aqui vai parecer que magicamente eu cheguei às próximas fotas. Mas além de cortar a barra longitudinalmente eu tive que lixar uma delas para ficar convexa e fazer entrâncias aonde irão os elásticos. Um bocado de suor foi derramado. Por último, com um estilete eu fiz ranhuras pra colar os componentes futuros e firulas nas laterais, alumínio arranha fácil, então que seja arranhado ao meu gosto:

Agora vem uma parte interessante, no meu último post eu falei sobre Sugru: https://inventeiro.wordpress.com/2012/05/16/sugru-hack-things-better/
Na época eu ainda não o tinha em mãos mas descobri no http://www.instructables.com
uma maneira de fazer um similar em casa. Basta misturar borracha de silicone com maizena (ou talco) e um pouco de pigmento (foi mal pai, ter pego escondido seu pigmento fancy). O silicone assim como o Sugru cura com umidade e adicionando maizena, que possui uma umidade natural, o silicone cura uniformemente e rapidamente, em mais ou menos meia hora.

Mas pra quê isso? Pra fazer uma tira de borracha na peça, a parte que aperta as cordas no capo. Abaixo, feitura da borracha:

Para a parte que vai ficar por baixo do braço eu colei uma tira de feltro vermelho pra combinar. Abaixo ambas as peças prontas!

As marcas retas são de uso, das cordas apertadas contra a borracha caseira. Bom, finalmente com tudo pronto vem a parte fácil, unir as parte e regulá-las com eláticos na viola e testar:

Quando não preciso basta delizá-lo pra fora do braço:

Sucesso! Só falta aprender a tocar melhor, ainda capengo e ultimamente tenho estado meio relapso nos treinos, mas vou progredindo aos poucos.

Esse post foi publicado em Catibiribows, Projetos cabeludos e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s